Menu

O site do Sped (Sistema Público de Escrituração Digital) publicou uma nova versão da Escrituração Contábil Fiscal.

A versão 7.0.5 corrige problemas no preenchimentos dos dados do Bloco V – Derex e faz melhorias no desempenho do programa no momento da validação do arquivo da ECF.

As instruções referentes ao leiaute 7 constam no Manual da ECF e no arquivo de Tabelas Dinâmicas, disponíveis no site do Sped.

ECF Versão 7.0.5

O programa validador da Escrituração Contábil Fiscal (ECF) versão Java pode ser utilizado nos sistemas operacionais abaixo, desde que obedecidas as seguintes instruções:

1) A máquina virtual java (JVM), versão 1.8, deve estar instalada, pois o programa desenvolvido em Java não pode ser executado sem a JVM.

A Máquina Virtual Java poderá ser baixada acessando o site http://www.java.com/pt_BR/download/manual.jsp.

2) Selecione o programa de acordo com o sistema operacional, faça o download e o instale:

A) Para Windows:

SpedEcf_w32-7.0.5.exe

B) Para Linux:

SpedEcf_linux_x86-7.0.5.jar (32 bits)

SpedEcf_linux_x64-7.0.5.jar (64 bits)

Para instalar, é necessário adicionar permissão de execução, por meio do comando “chmod +x SpedEcf_linux_x86-7.0.5.jar”, ou “chmod +x SpedEcf_linux_x64-7.0.5.jar”ou conforme o Gerenciador de Janelas utilizado.

ECF

A Escrituração Contábil Fiscal (ECF) consiste numa obrigação acessória que faz parte do Sistema Público de Escrituração Digital (Sped) da Receita Federal. A ECF tem como objetivo de simplificar as informações contábeis e fiscais por meio de medidas padronizadas com recursos tecnológicos.

A ferramenta facilita para as empresas a declaração dos seus rendimentos apurados ao longo do ano.

Neste ano, a entrega da ECF referente ao ano-calendário 2020 foi prorrogada para o dia 31 de julho.

 

 

 

*Fonte: NETSPED

receita parcelamento obrigatoriedade EFD eSocial MEI contador imposto Reforma Tributária SEFAZ COFINS RFB tributo sonegação governo nota fiscal ECF STF fiscalização Receita Federal contabilidade prazo simples nacional imposto de renda tributos Sped fraude ICMS PIS fisco