Ministerio_da_economia

Secretário destaca ações para o futuro dos empresários no Brasil pós-pandemia

O secretário Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, Carlos Da Costa, participou nesta quinta-feira (27/8) do 32º Congresso Nacional da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) e destacou as ações do governo federal para o futuro dos empresários no Brasil pós-pandemia.

“Estamos estruturando o sistema de defesa do empreendedor para facilitar a formalização do micro e pequeno empreendedor. Também teremos o Sistema Nacional de Garantias de Crédito, uma ferramenta para que as empresas façam investimentos que aumentarão sua produtividade. Além disso, estamos trabalhando para aumentar a digitalização das empresas e qualificar a mão de obra”, disse o secretário.

Carlos Da Costa também pontuou as medidas já desenvolvidas em diálogo com o setor produtivo para ajudar as empresas que foram afetadas pela pandemia. A Sepec recebeu três mil demandas de empresários e em três meses atendeu mais de 50% delas.

“É possível ser ágil e fazer muita coisa mesmo num curto espaço de tempo, desde que tenhamos senso de urgência, visão compartilhada, diálogo e vontade de fazer, o que não falta neste governo”, disse o secretário, ao destacar o conjunto de medidas adotadas para preservar vidas e empregos no nosso país.

O evento reúne, até esta sexta-feira (28/8), os principais empresários e representantes do setor da alimentação fora do lar para discutir os desafios e apresentar propostas para ganho de produtividade em bares, restaurantes e afins.

 

 

 

 

 

*Fonte: Ministério da Economia

START TYPING AND PRESS ENTER TO SEARCH